sejam bem-vindos ao perigosas garotas, por gabriela mayer

#BlogSOS: Design, layout e aparência

20/05/2015

Comentário(s), gabi

Além do conteúdo, o que faz de um blog, um bom blog? Você pode pensar em mil respostas para uma pergunta, mas hoje eu vim falar apenas de um aspecto: a aparência.

É claro que se um site tiver uma aparência chamativa e não tiver um bom conteúdo, de nada vai valer o investimento em um bom design, mas ninguém pode ignorar o fato de que uma página visualmente atrativa é muito mais atraente aos olhos do leitor.

Então vamos começar do começo, que para muitos pode parecer bobo, mas para quem ainda não tem intimidade com a blogosfera vai ser esclarecedor. O que é o design? Um layout?

O design nada mais é do que a parte estética, a visual, que também pode ser chamada de template, essa que por sua vez faz parte de uma estrutura montada na qual chamamos de layout.

Simplificando: o template é a aparência programada e codificada do blog, na parte visual, e o layout é a parte que se trata da estrutura básica da página, como dimensões e organização de elementos.

Ok, esse assunto não é lá o mais fácil do mundo, mas o que eu quero dizer é, que quando o assunto é o visual do seu site, template e layout serão termos que você vai se deparar mais cedo ou mais tarde.

“Mas o que isso tem a ver com a aparência do meu site e como eu faço para deixa-lo bonitinho como muitos que eu vejo por aí?” você deve estar pensando.

É que por trás daquela estrutura e aparências bonitinha que nós vemos com nossos olhos leigos, existe muita codificação e trabalho em cima do design.

Para você customizar seu design e deixa-lo a seu cara você tem duas opções, ou se arriscar e tentar montar o seu próprio (existem vários sites e tutoriais disponíveis para te ajudar nisso) ou você pode pagar para um webdesigner especializado para fazer isso para você.

A segunda opção com certeza é a mais fácil e ainda te proporciona o conforto de pedir o modelo desejado e deixar o trabalho nas mãos do profissional, mas existe a questão do preço, e assim como eu e a grande maioria de meninas e meninos que ainda são estudantes e não tem renda, essa opção fica meio inviável. E se assim como eu também, você não entende nada desses códigos e programação, o que fazer então?

É aí que entram os templates e layouts grátis.

Geralmente eles são mais simples, e nem sempre eles vão se adequar naquela aparência que você tem em mente nem serão algo único e exclusivo seu, mas é uma boa alternativa para dar início ao seu blog ou quando você não tem grana para investir nessa área.

Eu ainda uso esse layout grátis, e confesso que chegou um época que enjoei demais nesse tanto de cor de rosa que tem nele e fiquei louca atrás de aprender como customizar um só meu, o que não deu muito certo. Novamente, códigos, html e programação não são minha praia.

Mas enquanto eu não tinha um lay exclusivo e só meu, o que eu poderia fazer? Ficar eternamente descontente com a aparência dele ou me acostumar e usar a ferramenta que eu tinha em mãos por enquanto?

Se você votou na segunda opção, você acertou.

É claro que não dá para utilizar um template grátis para sempre, e conforme seu blog cresce, vai surgir a necessidade de fazer algo que seja mais a sua cara e da imagem que você quer passar para seu público. Algo que reforce o seu branding, mas isso é assunto para outro post. ;)

No post passado dessa série eu abordei o assunto Blogger vs WordPress, e uma das diferenças entre as duas plataformas é no quesito template. Enquanto os pagos e personalizados para o Blogger tem uma determinada faixa de preço, os da plataforma do WordPress tendem a ter o preço bem mais elevado.

Mas ok, eu falei falei, mas se para muitos eu não fui de muita ajuda, tenho certeza que os links abaixo irão.

Visitando alguns blogs eu vi vários templates grátis sendo disponibilizados e resolvi fazer essa seleção com vários modelos para quem puder se interessar, vocês podem vê-los aqui e aqui. E se forem utilizá-los, não se esqueçam de não retirar os créditos dos devidos autores, ok?

Queria deixar aqui meu agradecimento para a Rhay que é ilustradora e designer do Cor em Ação (quer um design personalizado? É só falar com ela) e me ajudou com esses termos técnicos e a montar esse post e forma que ficasse bem claro e de fácil entendimento. Valeu Rhay!

Mas e vocês, acham que vale a pena pagar um por design personalizado? Concordam que a aparência do site é tão importante quanto o conteúdo?