sejam bem-vindos ao perigosas garotas, por gabriela mayer

#BlogSOS: Domínio do blog

19/06/2015

Comentário(s), gabi

Nessa série de posts do #BlogSOS aonde eu dou dicas para facilitar a vida de outros blogueiros, eu já abordei vários tópicos como o design, as fotografias usadas nos posts e fiz uma comparação entre a plataforma do Blogger e do Wordpress também, e hoje é a vez de falar sobre o domínio.

Mas para começo de conversa, o que é um domínio, Gabi?

Domínio nada mais é que o endereço do seu blog, aquele nome seguido do .com.br, .blogspost.com.br  ou .wordpress.com que fica lá em cima da página.

Quando você vai criar sua página uma das primeiras coisas que têm de ser feitas é a escolha do nome que você vai dar para o seu site ou blog, no caso, o domínio dele. Depois de escolhido é claro, têm de ser verificada a disponibilidade do nome, ou se mais ninguém está utilizando o mesmo domínio, o que muitas vezes não ocorre e nos obriga a adicionar números ou traços no meio das palavras para diferenciá-las dos domínios já existentes na própria plataforma.

Mas vamos concordar que quando temos de recorrer a esse recurso, o domínio do blog não fica lá muito legal, né? Imagina se invés de perigosasgarotas.com o blog se chamasse perigosas-garotas27.com, nem um pouco profissional, não é?

Eu sei que nem sempre o domínio que desejamos está disponível, mas fiquem atentos a isso caso venha a acontecer e façam como eu fiz antes de decidir um nome. Eu fiz uma lista com possíveis domínios e testei a disponibilidade, e no caso acabei me decidindo pelo Perigosas Garotas que é o que eu utilizo até hoje. ;)

Ok, mas por enquanto eu falei apenas do domínio na plataforma de sua escolha, na hora de criação da página. Porém, se você como eu utiliza uma plataforma gratuita, provavelmente seu blog no início vai contar com o blogspot.com ou wordpress.com depois do título do blog e convenhamos que isso também não é um detalhe lá muito legal e dificulta na hora de você dizer o endereço do seu blog para outras pessoas e de ele ser encontrado pelas pesquisas.

É aí que entra a compra do domínio, e pode deixar que eu explico direitinho o que é.

Existem vários sites especializados nisso, ou seja, através deles você pode comprar o seu domínio com o .com ou o.com.br no final. E sim, para você conseguir esse endereço com o .com no final, ele só pode ser feito através da compra do domínio, mas calma, porque o processo é super fácil e ei, não se assuste com o fator “compra” nem desanime porque geralmente os valores são super baratos também.

A compra do domínio funciona como uma assinatura, ou seja, você paga um determinado valor pelo direito de utilizar aquele domínio por um mês, três, um ano, ou até mais do que isso, aí vai da sua escolha e de quanto você quer investir nisso.

Eu comprei o meu domínio no site registro.br que me pareceu bem confiável e havia sido bem recomendado também, e o processo todo foi bem simples. Confere só mais ou menos como é o processo:

  •  No site há uma barra de pesquisa aonde você pode verificar a disponibilidade do domínio desejado, ou seja, você digita o título do seu blog para ver se o endereço com o .com.br está disponível.

  • Caso esteja, você pode registrá-lo na hora como seu, sem necessidade de pagamento. Para não correr o risco de alguém registrá-lo e você perder o domínio, você pode registrar o endereço com seu nome e cpf e pronto, o domínio é seu, ninguém pode utilizá-lo além de você.

  • Depois de registrado o domínio no seu nome certinho, aí que entra a compra, que no caso oferece vários valores para diferentes assinaturas. Eu escolhi a anual pelo preço de 30 reais, o que na minha opinião foi super barato.

  • Depois de pago e de ter o pagamento aprovado, pronto, o domínio é seu e está pronto para ser usado no seu site!


A forma como ele é instalado no seu blog é um pouco mais complicadinha, mas não é um bicho de sete cabeças e você mesmo pode fazer isso. Para instalar o meu eu segui os passos do tutorial que encontrei nesse site.

Bom, essa foi minha experiência, e eu não sofri nenhuma dor de cabeça, foi tudo bem simples mesmo. Eu não conheço nenhum outro site de compra de domínios, mas como eu utilizei o registro.br aqui fica minha recomendação para quem estiver interessado!

E ah, eu gostaria de contar com a participação de vocês para responder as perguntas do formulário da Pesquisa de público abaixo. É super rapidinho e vocês vão me ajudar demais respondendo!



Bem, essas foram as dicas de hoje, gostaram? Ainda ficou alguma dúvida a respeito do assunto?